Log in

6 Táticas nojentas para vencer a França na final

6 Táticas nojentas para vencer a França na final - 5.0 out of 5 based on 3 votes
Bruno Alves duro como uma rocha nydailynews Bruno Alves duro como uma rocha

6 Táticas nojentas para vencer a França na final do Euro

A França chegou à final de Paris depois de vencer a Alemanha, é este o adversário com que Portugal
vai ter que lidar. Como vencer uma França que têm no seu onze base jogadores como Pogba ou Antoine Griezmann entre outros?

Os 5 Problemas.
1-Depois de analisar o jogo da semi final entre Franceses e Alemâes, um ponto forte ficou na retina, a super transição para o ataque da seleção Francesa a partir do centro do terreno.
2-Joga em casa.
3-Meio campo musculado e com pulmão.
4-Pogba no centro.
5-Griezmann no ataque.

Como resolver, as 6 soluções táticas.
1-Dar a iniciativa aos Franceses e abdicar do ataque continuado, pois se já estamos marcados como uma seleção que joga nojento, que assim seja.
2-O coração, o centro do terreno, é aí que Portugal têm que fechar o cofre, como? Incluindo um tridente com Danilo, William e com Sanches à frente destes dois preparado para contra ataques rápidos e venenosos. Esta para mim pode ser a cartada decisiva nesta final.
3-Alas blindadas com João Mário e André Gomes, jogadores com pulmão para defender e atacar, com poder de choque e cultura tática.
4-O demónio á solta chamado Cristiano Ronaldo na frente de ataque, não pressionando muito os defesas Franceses, guardando assim as energias para momentos explosivos como aquele vôo frente ao Pais de Gales ou o toque subtil de calcanhar de outra galáxia frente á Hungria.
5-Quaresma, a arma secreta preparada para ir a jogo depois do cansaço aumentar nos jogadores de França que contam com menos 24 horas de descanço.
6-Entramos a perder no jogo e agora? Resposta, Bruno Alves, a segunda arma secreta, entra no relvado e parte a perna ao Pogba! Que pena Mourinho, já não podes contratar o rapaz para o teu Manchester United!

Cá estão as soluções, se a última é um pouco cómica a segunda penso que terá que ser levada à risca, tendo Fernando Santos a opção de trocar Adrien pelo Sanches, que entraria durante o encontro como um touro desenfreado junto com Quaresma para resolver o jogo.

Sim, a imprensa Francesa diz mal de nós, chama-nos de nojentos, que assim seja! O que eu quero é esfolar a taça do Euro 2016 de qualquer forma, embriagar-me com vinho da terra e ter orgulho em ser Português já no próximo Domingo.

Mídia

FRANCE Vs GERMANY Credits: MITICHOz!
Jose Rita Pacheco

Adepto matador do Futebol Clube Do Porto e comentador habitual em A Bola, Record e O Jogo Online. Seguidor fanático de Cristiano Ronaldo o deus português. Agradeço a oportunidade me dada pela tasca do futebol online de poder criar os meus artigos de opinião do meu clube, sem ser constantemente bloqueado como nos outros sites desportivos em Portugal

11°C

Lisboa

Partly Cloudy

Humidity: 82%

Wind: 24.14 km/h

  • 24 Mar 2016 18°C 9°C
  • 25 Mar 2016 18°C 12°C
Web Analytics